sábado, janeiro 12, 2013

Delicadeza

Quanta bravura empenhamos em cada gesto,
quanto suor,
Quanta lágrima.
Mas nos tornamos cegos ao que é pequeno e belo.
Poder bradar o singelo como sublime,
Isso é para poucos heróis.